FCDL reúne CDLs em Itabaiana

E-mail Imprimir PDF

FCDL reúne CDLs em Itabaina para discutir ‘negócios do SPC’

Tendo como um dos importantes instrumentos de proteção aos negócios do comércio e bem assim a fidelização do bom pagador, a FCDL (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Sergipe) reuniu, em Itabaiana, cerca de 13 CDLs de todo o Estado para uma ampla discussão sobre o Sistema de Proteção ao Crédito (SPC) e sua capacidade de gestar produtos para os empresários lojistas.

De forma inédita, a reunião contou com a participação do gerente de Negócios do SPC/Brasil, Ronaldo Guimarães, e também de vários presidentes de entidades lojistas, além do corpo colaborativo que atua no dia a dia de consultas, atendimentos a clientes e empresários.

Em sua exposição realizada na sede da CDL de Itabaiana, o gerente de Negócios do SPC fez uma breve explanação das mudanças ocorridas dentro do sistema de consultas, desde a utilização de fichas de cadastros manuais à introdução da internet como banco de dados nacional, capaz de garantir negócios na compra de produtos e registros de adimplência e inadimplência.

Edivaldo Cunha, que preside a FCDL ao lado do empresário Everaldo Torres, disse da satisfação em reunir presidentes e colaboradores das CDLs, discutindo projeções e vendas de produtos que interessam às entidades.

“A participação do sr. Ronaldo Guimarães foi fundamental para mostrar aos nossos dirigentes e colaboradores a gama de produtos que temos a ofertar não só aos lojistas, mas aos consumidores na busca de compras afiançáveis e com segurança”, diz.

Na reunião, que ocorreu durante toda manhã e tarde da terça-feira, 18, houve debates sobre processos judiciais do SPC; relação do SPC/Serasa em todo Brasil; questões jurídicas pendentes; SPC Avisa; SPC Auto; Risk Score; SPC Mix e Max; SPC Fone; SPC Busca, dentre outros.

Estavam presentes também o diretor da FCDL, Gilson Figueiredo; presidente das CDL Itabaiana, Jamisson Barbosa; da CDL Aracaju, Brenno Barreto; das CDLs dos municípios de Aquidabã, Boquim, Carira, Estância, Lagarto, Dores, Glória, Poço Verde, Simão Dias, Tobias Barreto, Ribeirópolis, além do gerente SPC/Sergipe, Gileno Santana e a secretária Executiva da CDL, Mônica Marques.


Fotos - ASCOM/CDL
Elton Coelho
Jornalista - DRT 723/SE
Mobile/Celular: ++ 55 079 9977.7801 ou 079 8843-4966
twitter.com/coelhoelton
facebook Elton Coelho

CDL,FCDL e Entidades Recebem Grupo Ferreira Costa

E-mail Imprimir PDF

CDL, FCDL e entidades recebem grupo que vai gerar 600 empregos no comércio

Uma visita de cortesia, apresentação e somação. Assim definiu o principal diretor do grupo empresarial Ferreira Costa, Guilherme Ferreira da Costa, que esteve hoje, quarta, 12, na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) para mostrar como sua empresa chega a Sergipe e deve gerar, a partir de outubro, 600 empregos diretos.

Sendo recebido por Brenno Barreto (CDL); Edivaldo Cunha (FCDL); Gilson Figueiredo (Sindilojas); Fernando Silva (Fecomércio); Abel Gomes (Sind. Comércio Varejista), o empresário que vai inaugurar a ‘Home Center Ferreira Costa’ em outubro, em Aracaju, esteve acompanhado do presidente da CDL/Recife (PE), Eduardo Catão; do presidente do Sindilojas Recife, Frederico Leal e do gerente Geral do grupo em Sergipe, Anselmo Carneiro.

Na oportunidade ele realçou a importância da visita ao segmento produtivo e do comércio sergipano, destacando que o grupo “chega para somar, gerar empregos e investir num comércio que tem se mostrado forte e um estado promissor”, disse Guilherme Ferreira.

Em sua saudação e falando em nome dos demais representantes, Brenno Barreto lembrou a trajetória do grupo que já atua em Pernambuco e na Bahia, chegando a Sergipe para fortalecer a atividade comercial, “fato que também se mostra relevante para o comércio local e na geração de quase 600 empregos”.

Governo e Empresários

“Fomos muito bem recebidos pelo prefeito, pelo governador do Estado e, sobretudo, pela classe empresarial. Nosso projeto é somar com a economia de Sergipe”, afiançou o diretor-presidente do Ferreira Costa.

A empresa, em sua construção no Distrito Industrial de Aracaju, empregou cerca de 700 operários e já recruta mão de obra local que, segundo o gerente Geral, Anselmo Carneiro, deve ser comprometido com 90% das ocupações.

“A absorção de trabalhadores locais, como vendedores, atendentes, repositores, sendo maioria de sergipanos, engrandece o nosso povo e faz crescer a economia local”, observou o presidente da FCDL, Edivaldo Cunha.

Elton Coelho
Jornalista - DRT 723/SE
Mobile/Celular: ++ 55 079 9977.7801 ou 079 8843-4966
twitter.com/coelhoelton
facebook Elton Coelho

Sindilojas e FCDL apostam no aumento de vendas no dia dos pais

E-mail Imprimir PDF

Sindilojas e FCDL apostam no aumento de vendas no Dia dos Pais

No próximo dia 9 de agosto é comemorado o Dia dos Pais. A data que já é conhecida por ser o quarto melhor período de vendas, enche de esperanças o comércio sergipano.

O Sindilojas (Sindicatos dos Lojistas) e a FCDL (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Sergipe), acreditam que este ano o patamar de vendas pode prosperar de forma acanhada, em torno de 1,5%.

Pesquisas realizadas em cidades como Belo Horizonte, Recife, Brasília e Fortaleza apontam que mesmo com todas as promoções, descontos e os famosos brindes, os lojistas dessas capitais não sentem que a procura será maior ou igual ao ano de 2014.

Aqui em Sergipe, o presidente do Sindicato dos Lojistas de Sergipe (Sindilojas), Gilson Figueiredo, acredita que possa ter uma expectativa de vendas que se aproxime ou seja um pouco superior ao patamar do ano passado.

Outro aspecto notado ao longo dos anos é quanto à mudança de estilo de presentes, além dos artigos comuns como vestuário e perfumaria, objetos tecnológicos têm caído no gosto da maioria e tem sido uma aposta para presentear e agradar os papais.

Para Edivaldo Cunha, da FCDL, a esperança é que as vendas possam crescer em até 1,5% se comparado ao mesmo período do ano passado. Ele destaca ainda que os segmentos de sapataria, joalheria, material esportivo, livrarias, bares, restaurantes, hotéis e óticas.

“Acreditamos também que devam colher melhores resultados, em função de que são segmentos muito procurados em relação à data, Dia dos Pais”, acrescenta o presidente da FCDL.

 

 

Elton Coelho
Jornalista - DRT 723/SE
Mobile/Celular: ++ 55 079 9977.7801 ou 079 8843-4966
twitter.com/coelhoelton
facebook Elton Coelho

Comercio abre ndomingo 21

E-mail Imprimir PDF

Comércio abre no domingo (21) que antecede ao São João

Para fomentar as compras e aquecer o comércio no período junino, atendendo aos clientes, os lojistas que desejarem abrir seus estabelecimentos nesse domingo, 21 de junho, poderão fazê-lo mediante acordo de trabalho já devidamente estabelecido.

A informação é da Câmara de Dirigentes Lojistas de Aracaju (CDL) e da Associação Comercial de Sergipe (Acese), esclarecendo que os lojistas poderão abrir as lojas no horário das 9 às 15h, observado os direitos dos comerciários fruto do acordo coletivo de trabalho.

Para Brenno Barreto, presidente da CDL, a medida vai beneficiar, sobretudo, as lojas que faturam no período junino, segmentos de roupas, sapatos, adereços e o comércio como um todo, “já que por se tratar de um domingo, as pessoas terão mais tempo e folga para realizar compras, aquecendo a economia local”. Os lojistas que abrirem suas lojas deverão pagar hora extra aos comerciários.

Não Facultativo – E na véspera de São João, 23 de junho, terça-feira, as entidades representativas de classe – FCDL, CDL, Acese, Sindilojas, Sicofase, Fecomércio e outras – esperam que Governo do Estado e Prefeitura de Aracaju, não decretem ponto facultativo, ajudando o segmento a alavancar as vendas esse mês, diante de números tão ínfimos registrados até o momento.

Edivaldo Cunha, presidente da FCDL/Sergipe, relata que as vendas em duas datas importantes – Dia das Mães e Namorados – não registraram bons índices para os lojistas e que a economia brasileira e a instabilidade vem causando uma retração, trazendo prejuízos a todos.

“Quanto mais tivermos oportunidades de abrir nossos negócios, mais correremos atrás do prejuízo, daí o apelo para que nossos governantes não decretem facultativo no dia 23 de junho, já que teremos mais um feriado no dia seguinte, 24”, apela Edivaldo.

Governo e PMA não decretarão facultativo na sexta-feira

E-mail Imprimir PDF

Governo e PMA não decretarão facultativo na sexta-feira

Atendendo aos apelos dos lojistas, por meio de entidades representativas como CDL e Sindilojas, o governo do Estado e Prefeitura de Aracaju não decretarão ponto facultativo nesta sexta-feira, 05, um dia após o feriado nacional de corpus Christi, comemorado na quinta, 04.

“Agradecemos o gesto e a compreensão dos dois governantes, Jackson Barreto e João Alves Filho, por nos atender e aos reclamos dos lojistas que estão tendo dificuldades para manter seus pagamentos em dia”, aponta Gilson Figueiredo, do Sindilojas.

O temor da CDL era o de que, após o feriado de quinta, governo e prefeituras decretassem o facultativo, “o que certamente contribuiria para o esvaziamento do comércio num mês que já possui dois feriados e mais os festejos juninos”, sentencia Brenno Barreto, presidente da entidade lojista.

O comunicado dos governistas à CDL e Sindilojas foi feito no fim da tarde desta segunda, 01, por meio de secretários que dirigem pastas ligadas ao comércio.



--
Elton Coelho
Jornalista - DRT 723/SE
Mobile/Celular: ++ 55 079 9977.7801 ou 079 8843-4966
twitter.com/coelhoelton
facebook Elton Coelho